Pingos nos Is: Bahia na final do Nordestão e Brasil tem 11 em campo (esqueçam Neymar)

Postado em 27/06/2018 9:01

Foi dureza assistir. Bahia e Ceará protagonizaram ou agonizaram na Fonte Nova um jogo chato, quase sem lances de perigo; capaz de dar sono até nos tricolores mais eloquentes. O resultado em 0x0 foi o mínimo necessário para o Esquadrão avançar à final – a terceira em quatro anos -, após ter vencido a primeira partida por 1×0, no Castelão.
+++
O tricolor precisa urgentemente de um homem de frente. Na noite desta terça-feira, a bola ficou passando tangente à grande área durante quase todos os 90 minutos de um quase jogo. Por pouco o Vozão não dá uma de visitante sacana e baixa a bola dos mais de 16 mil torcedores que compareceram ao estádio… Enquanto isso, em Moscou…
+++
A Seleção Brasileira entra em campo às 15 horas desta quarta-feira com a missão de pelo menos empatar com a Sérvia para avançar de fase na Copa do Mundo. Pode pegar pela frente a Alemanha – aquela mesma dos 7×1, que ainda agoniza no Grupo F e vai pegar os sul-coreanos que ainda tentam aprender a jogar futebol em alto nível. Neymar é apenas um entre os 11. Parem de encher a bola do garoto! Manda ele fazer o básico e tentar ser objetivo como o melhor do mundo, Cristiano Ronaldo!
+++
Voltando ao assunto Bahia… O time precisa contratar um lateral direito e não tem um centroavante pronto para a final do Nordestão. Fica na expectativa da recuperação de Kayke, Edigar Junio ou Brumado. Gilberto só no Brasileirão. Enderson precisa organizar o time, mudar a formação tática, criar jogadas que não dependam de um homem de referência na frente. Para o Nordestão, o que tem pode ser suficiente para levantar a taça, mas vem aí Copa do Brasil, Sul-Americana e Brasileirão – nesse último, ocupa uma vaga dentro da zona de rebaixamento…
+++
O Vitória já voltou a treinar após a folga de 13 dias. Os jogadores foram recomendados a não exagerar na gula e fazer manutenção da parte física… Alguém acredita? Bem, retornando aos treinos, o time precisa ser remontado com as saídas de Uilliam Correia e Denilson. Chegaram o desconhecido Ruan Renato e o atacante Erick, que fez sucesso no Náutico, mas passou uma temporada inerte no futebol português.
+++
A torcida do Leão goza a do rival por estar na zona de rebaixamento, mas o Vitória tem a mesma pontuação do Bahia e é porteiro da zona. Se não quiser voltar aos porões do Brasileirão, terá que apresentar um conjunto melhor. Primeiro passo: manter Neilton no elenco.
+++
Mancini fez milagre até aqui com o que tinha em mãos. Hora de a diretoria sair da zona de (des)conforto!
+++

(Chico Araújo)
[email protected]

Comentários: