Série B: Juventude bate o Criciúma e entra no G-4

Postado em 12/09/2017 11:36
juventude1

Em mais um jogo da 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro realizado nesta terça-feira (12), o Juventude visitou o Criciúma, no Heriberto Hülse, e venceu por 2 a 1. Com o resultado, o Verdão subiu para o terceiro lugar, com 40 pontos, e agora torce para não deixar o G-4 até o complemento da rodada. O Tigre, com 34, segue na sétima posição.

De olho no G-4, o Juventude entrou disposto a vencer o mandante Criciúma. Pressionando, o time gaúcho abriu o placar aos 11 minutos do primeiro tempo, quando Lucas pegou rebote, sem chances para Luiz: 1 a 0. O Verdão seguiu investindo, mas sem levar muito perigo. Os mandantes acertaram o posicionamento e adiantaram a marcação, mas sem sucesso nas finalizações.

No segundo tempo, o Criciúma empatou aos 19 minutos, com gol de Lucão. O atacante recebeu cruzamento de Alex Maranhão, se livrou da marcação e marcou. Na sequência, Moisés, de cabeça, quase virou para o Tigre. Mantendo o objetivo de olho no pelotão de cima, o Juventude ampliou aos 37. Lucas recebeu na área e deslocou o goleiro Luiz para fazer 2 a 1.

Outros jogos

Abrindo a 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, Boa Esporte-MG e Guarani empataram em 2 a 2 na noite desta terça-feira (12), no Dilzon Melo, em Varginha (MG). Com o resultado, os dois times chegam aos 33 pontos. Pelo desempate no saldo de gols, o Bugre aparece na décima posição, seguido pelo time mineiro.

Com campanhas semelhantes na Série B até o momento, os times entraram em campo sabendo que a vitória seria crucial para apenas um deles ficar mais próximo ao G-4. No primeiro tempo da partida no Dilzon Melo, o Boa foi quem mais arriscou. Logo aos dois minutos, Richarlyson mergulhou na área após cruzamento e quase abriu o placar para o time da casa. No lance seguinte foi a vez de Fellipe Mateus assustar em chute forte. Na melhor chance para o Guarani, Rafael Silva pegou cruzamento e bateu com o bico da chuteira para ótima defesa de Fabrício. A equipe mineira seguiu dominando as ações e chegou ao gol aos 41 minutos. Rodolfo recebeu pelo lado direito, dominou e chutou com o pé esquerdo no ângulo de Vagner: 1 a 0.

Na volta do intervalo, o Guarani empatou logo aos três minutos. Em cobrança de pênalti, Fumagalli chutou com tranquilidade no canto esquerdo de Fabrício e deixou tudo igual em Varginha. O gol motivou o Bugre a buscar a virada, o que aconteceu aos 22 minutos. Fumagalli cruzou da direita para Rafael Silva. Tentando o corte, o lateral Ruan tocou por último na bola e acabou marcando contra: 2 a 1. Atrás no placar, o Boa passou a pressionar e ficar mais tempo no campo de ataque. O Guarani foi firme na marcação, mas não evitou o empate do time mineiro aos 44 minutos finais, com mais um gol de Rodolfo

Comentários: