SMS promove operação de combate ao Aedes aegypti em Salvador

Postado em 25/01/2017 7:50
Que zika, hein?!

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) está promovendo uma operação conjunta de varredura envolvendo imóveis e áreas públicas em Salvador, até o dia 17 de fevereiro, das 7h30 às 13h30. O objetivo é reduzir a infestação do mosquito Aedes aegypti em 79 bairros – as localidades que apresentaram percentuais acima de 1,5% no último Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa).

Em parceria com a SMS, trabalham na operação profissionais da Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) e da Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate a Pobreza (Semps). O trabalho de varredura é realizado de forma simultânea em todos os bairros e envolve pouco mais de mil agentes. De acordo com a Secretária, cada agente deve visitar, em média, 25 imóveis por dia e, ao final, a varredura deverá atingir cerca de 570 mil residências.

A meta da ação é reduzir o índice de infestação nos bairros durante todo o período do verão, época em que a proliferação dos mosquitos é favorecida pelo clima. Nesta terça-feira (24), contudo, a SMS informou que último LIRAa apontou que Salvador apresentou uma Infestação Predial (IIP) histórica de 1,1%, menor indicador registrado desde que o estudo passou a ser realizado no município, em 2005, há 12 anos.

Além de imóveis, os agentes também irão buscam por criadouros em equipamentos públicos como em praças e espaços de lazer. A lista de localidades que recebem a ação contempla bairros a Ribeira, Pituba, Alto do Peru, São Caetano, Itaigara, Marechal Rondon, Santa Mônica, Cosme de Farias, Boca do Rio, Alto do Coqueirinho, Patamares, Nova Sussuarana, Tancredo Neves, Arenoso, Calabetão, Pau da Lima, São Marcos, Águas Claras, Palestina e Rio Vermelho.

Comentários: